segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Hoje também é meu dia de brincar

Não dá saudade? Brincar de bambolê, tomar Ki-Suco, correr descalça pela rua, ir ao cinema ver filme dos Trapalhões com os irmãos, jogar Banco Imobiliário, pular corda e elástico, enfiar o pé na lama com tudo, chupar bala Soft e todas as balas do mundo, fazer barquinho de papel pra água da chuva levar, não ter tempo, não ter pressa...

4 comentários:

vida cotidiana disse...

Claro que dá saudades e como dá.
Infância tempo que não volta mais. Adoro. Bjs

Kátia Ruivo disse...

adoro jogar banco imobiliário!

Lana disse...

Quando eu falo que a infância dos anos 80 foi a melhor, as meninas daqui da república acham que eu exagero. Mas daqui de Sampa, acho que fomos a última geração que brincou na rua de verdade.
Também fiz tudo isso que você escreveu.
Beijos!

Alline disse...

Ana:
Dei uma passeadinha por aqueles tempos. Delícia!
Beeeeijo!

Kátia:
Eu nem tenho mais. Também não tenho mais Susi, Playmobil, panelinha de barro... a gente foi se mudando e dando os brinquedos.

Lana:
Eu lembro de passar muitas horas na rua, de subir em árvore, correr pela rua... minha mãe ficava louca! Eram outros tempos mesmo. A gente tinha televisão e via muita coisa, mas também brincava na rua. Não era tudo mais simples?
Adoro os anos 80!
Beijão pra ti!