terça-feira, 9 de novembro de 2010

O Jardineiro (In)Fiel

E tem também a história do casal que contrata um jardineiro para ajudar a melhorar o aspecto do jardim da casa. Logo no primeiro dia, o homem repara que o rapaz vai ter um trabalho árduo pela frente e pede à mulher que faça uma comida caprichada. Ela não gosta nem um pouco das artes culinárias, mas se esforça, e ao meio-dia em ponto entrega ao rapaz um prato muito bem abastecido com feijão, arroz, dois ovos fritos, carne e macarrão, e mais um extra com salada. O rapaz, sentado numa das cadeiras da piscina, começa a comer sem nada dizer. A mulher o desafia a comentar sobre a comida:
- Tá bom?
Ao que ele responde, com alguma indiferença:
- Ahhh... normal.



Ahhh se fosse comigo...

8 comentários:

Lucão disse...

hahaiuahiauhiauha
que desaforado!

:)

quanto tempo que não vinha nesse seu canto, Aline.
Não é desleixo, é o tempo que mudou tudo, mas estou voltando.

beijo, talento!

A Mina do cara! disse...

faria o que, se fosse contigo...?

muito legal!

Frau Forster disse...

A manifestação da ingratidão se dá das mais diversas maneiras... e rê rê

beijo

Carmem Tristão disse...

puuuuuutz!
cara! eu nem me daria ao tarbalho. sério! teria pedido marmita. R$ 5,00!!!! rsrsrs

Luna Sanchez disse...

:p

Eu que cozinho lindamente não perguntaria se estava bom porque COM CERTEZA estaria e o rapaz elogiaria por iniciativa própria. Rá!

Rs

Li, quando minha geladeira pegou fogo e incendiou meu apartamento e quase morri sufocada (pois é) os rapazes da reforma levaram o dobro do tempo para terminar o trabalho só por conta dos meus...quitutes, sabia?

(Não era pra ter uma conotação sacana, não teve na realidade, mas lendo parece que sim...ahahahaha)

Beeeeeijos!

ℓυηα

Ana B. disse...

Se fosse comigo... se ele falasse q tava normal já era um elogio!
kkkkkk

=***

Jana disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...coitada da moça....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Alline disse...

Lucão:
Saudades de te ver por aqui, moço.

Beijo!

---

A Mina do cara:
Eu seria tão grosseira como ele foi. Pior que sei ser assim...

---

Frau:
Queria ver se fosse oferecido um pão seco...

Beijo!

---

Carmem:
Cinco reais é muita grana pra gastar com um cara assim, não? MAs pelo menos a moça não teria passado trabalho.

---

Luna:
Impossível não pensar na sacanagem... rsrs.... desculpa, não consegui conter meu lado pervertido nessa história.

Beeeeeeeeeijo!

---

Ana:
Eu não teria nem cozinhado... rs

Beijos!

---

Jana:
Na próxima ela fica longe do fogão. Tomara! ;)