segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

DE BOAS INTENÇÕES O INFERNO ESTÁ CHEIO

Por que não podia se contentar com uma árvore simples e singela para enfeitar a Beira-Mar? Não, o senhor prefeito queria surpreender, inovar, chocar, sei lá. E se deu mal. Que coisa mais estranha que os alpinistas industriais montaram aqui perto! Uma armação de metal que não acabava mais, coberta de verde em cima da hora, com desenhos/enfeites muy espaçados ao redor e milhares de leds, nem sempre dispostos a piscar. Era pro povo mandar mensagens pelo celular, as quais seriam estampadas na big árvore. Estampariam, mas não deu tempo, porque o prefeito contratou uma empresa sem licitação e daí já sabe: sem licitação, sem árvore piscando a noite toda. E assim ficamos todos sem árvore de Natal na Beira-Mar. Então vamos às compras, já que os dias voam e logo chegará o esperado momento de encher as árvores - nossas, de cada casa - de lembrancinhas ou presentões natalinos. Ho-ho-ho!

Ela, ainda armação de metal.


3 comentários:

Maycon Aguiar disse...

Ahhh Alinne, a decoração de Natal da sua cidade ainda é está maravilhosa perto da que tem aqui. É no estilo "come toda a comida meu filho, senão levo você pra ver a decoração natalina". Muiiito medonha. rs

Um beijo!

Zombie Boy disse...

O datinha melancólica!

Alline disse...

Maycon:
É assim tenebrosa? Bateu curiosidade... rs
Aqui eu gosto das estrelas que seguem os postes na Beira-Mar. O resto é exagero. Brilho demais é pro carnaval, não?
Beijão!

Zombie:
E eu já vou me fechando, me fechando...