quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

A difícil arte de levar um só produto

Peço ao atendente para ver o preço do sabonete facial para peles sebosas da Neutrogena.
- É R$ 5, 78.
- Tá, vou querer.
Oba, mais barato que o da L'Oréal! Estou satisfeita, mas ele não. Que pena, teria sido tão melhor assim, tão mais fácil... Primeiro ele me oferece um esfoliante que tira os cravos do nariz, também da Neutrogena, que está na promoção. E eu:
- Não, não preciso.
- Tem antirrugas da L'Oréal...
- Brigada, mas não.
- Esse hidratante da Vichy é muito bom...
- Não, não, faz pouco tempo que gastei uma grana com tratamento pro rosto.
- Não quer nem aproveitar a promoção da Oral B?

Tá vendo? Depois eu é que sou a chata, mal-humorada que perde a paciência com os outros. Saí de fininho antes que ele viesse falar de mais algum produto do balaio chique da loja.

4 comentários:

Carmem Tristão disse...

isso é um porre, né não?

Menina Misteriosa disse...

Alline,
Vim te conhecer e já me identifiquei... também acho isso muito chato! A metralhadora dispara pra qualquer lado, né?
o.O

Beijos

http://meninamisteriosa.wordpress.com/
http://www.aceuabertodaboca.blogspot.com/

Luna Sanchez disse...

Aff...minha paciência não dá conta, também. ¬¬

Beijo, beijo.

ℓυηα

Alline disse...

Carmem:
É um sofrimento você entrar com ideia de levar um produto e quererem te empurrar vários ao mesmo tempo.

Menina:
Devíamos andar com escudo, ou disfarçadas. Tem gente que não se toca, não é?
Beeeijo

Luna:
Minha fama de pavio curto me precede. Baixa a intolerante em mim, não sei o que me dá... rsrsrs
Beeeeeeeeeeijo