quarta-feira, 3 de junho de 2009

13 filmes bizarros e adoráveis - parte 1

Contraponto OU Tideland - às vezes ficava difícil ver tudo sob o olhar da menina. O mais engraçado foi ver o personagem do Jeff Bridges desfalecido na cadeira de balanço com uma peruca à la Marilyn Monroe. Aliás, mortinho da silva depois da overdose. Hilário! Coisa de Terry Gillian, aquele do Monty Python...

S. Darko - cadê o coelho orelhudo? Achei que iam ressuscitar também o Jake Gyllenhaal... Tudo bem, tem bizarria suficiente com a irmãzinha. E a tripa transparente e aquele som distorcido e esquisitão continuam lá.

Donnie Darko - o primeiro do coelho, mas nada a ver com The Brown Bunny. Intrigante.

• Vocês, os Vivos OU Du Levande - pequenas histórias surreais de gente muito pálida e esquisita.

Império dos Sonhos OU Inland Empire - David Lynch quase me deixou com a bunda quadrada com as três horas de duração. Algumas cenas confesso que teria que ver de novo para entender. Mas não me convide, por favor.

• The Brown Bunny - eu vi o pinto do Vincent Gallo, gente!!! E na boca da Chloe Sevigny! Safada ela? Safada eu, que fiquei vendo extenuantes cenas sem diálogo para matar a curiosidade de ver a mala do mala.

Desejo e Obsessão OU Trouble Every Day - nojentão. Canibalismo era o tema. Numas duas cenas tive que virar a cara e terminei com o estômago meio embrulhado.

Buffalo 66 - a primeira cena me ganhou: o cara que acabou de sair da prisão corre atrás de um lugar pra fazer xixi e entra na escola de dança e sequestra a menina loira para... É uma longa história, e ainda tenho a fita de VHS para provar. Vincent Gallo e Cristina Ricci fazendo o par... romântico?

Cat Soup - desenho no estilo mangá sem nenhuma fala, provavelmente de uma direitor muitcho doido que fumou unzinho.

Maldito Coração OU The Heart is Deceitful Above All Things - Marilyn Manson vestido de homem foi um choque! A história é crua, o filme é baseado no livro que contava uma história que prometia ser real e não era, de um cara que na real era uma mulher. Deu pra entender?

Quero ser John Malkovich OU Being John Malkovich - aquele andar pela metade, aquela gente curvada, aquele jeito único de entrar na mente do John Malkovich. Não há nada igual.

Delicatessen - a lembrança é da casa sinistra, das intenções que se escondiam por trás do açougue que ela abrigava. E o açougue tinha esse sugestivo nome: Delicatessen.

O Cozinheiro, o Ladrão, Sua Mulher e o Amante OU The Cook, the Thief, His Wife & Her Lover - faz tanto tempo! Não esqueço o assado humano sobre a mesa. Ao ponto!

4 comentários:

Mônica disse...

huuummm...já assisti alguns e fiquei louca para conferir o restante da lista!Valeu pelas dicas!bjs

L. M. de Souza disse...

eu adoro filme bizarro. conheço os tres ultimos, gosto muito do "quero ser john m.", os filmes com roteiro do kaufman. delicatessen tb o nome é só pra enganar. o ladrão, e etc. eu tenho mas não vi ainda.

Vladimir disse...

Nossa, Alline, me amarrei na sua lista, bizarro é pouco!

Maldito Coração deve entrar nas minhas listas de melhores dos anos 2000 (foi meu #2 de 2006), adorei! Acho que poderia ter também Old Boy, de Park Shon Wook, já viu?

Bjs, Vladimir
http://cantodovladimir.zip.net

Alline disse...

Mônica:
Devo ter esquecido de alguns... mas adoro dividir. ;)
Beijos!

L.:
Quando tiver algum pra recomendar, tô aqui.

Vladimir:
Eu vi Old Boy... Ótimo! Nem sei por que não entrou. Ah, tem também O Hospedeiro. Vê-se que não citei todos os bizarros. Mas treze é um bom número pra começar, né?