segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

lições aprendidas

1) Quando for deixar a roupa numa lavanderia pela primeira vez, vou fotografar a peça em detalhes, muitos detalhes. Tudo para não passar pelo que minha mãe passou: mandou lavar o casaco novo numa franqueada da LAV E LEV e detonaram a peça de quase 300 reais. Depois o dono teve coragem de dizer que o casaco era velho e já tinha marcas de cigarro. Como provar o contrário? Agora é a coitada da minha mãe que tem que correr atrás.
Lição aprendida.

2) O meu sorvete preferido do momento - Crunch - vai permanecer na prateleira de refrigeração na próxima vez se só tiver um pote disponível. Porque naquele sábado, entre tantos outros sabores, teimei em comprar aquelezinho e ao chegar em casa vi que estava mexido, com cristais de gelo e crocantes amolecidos.
Lição aprendida.

3) Ao de pegar a roupa na costureira é imprescindível verificar se o serviço foi feito como o combinado, justamente o que eu não fiz esses tempos e acabei quebrando a cara. A camisa que deixei para ajustar ficou torta, curta demais e com acabamento de péssima qualidade, mas só fui ver em casa. Então precisei perder tempo no outro dia e voltar lá para um "retorno".
Lição aprendida.

3 comentários:

L. M. de Souza disse...

eita desgraceira.

Alline disse...

Até que não. Podia ser pior. ;)

Vladimir disse...

Boa, Alline, mas eu nunca aprendo essas lições. Outro dia eu tava fissurado em assar uma lasanha congelada, mas tive de mandá-la direto para o lixo: certamente ela havia descongelado e congelaram ela de novo no supermercado. Resultado: mofo congelado explícito. Grrr
Bjs,
Vladimir
http://cantodovladimir.zip.net